Bem-vindo ao Parque da Lagoinha.

 

A história do Parque da Lagoinha

Na década de 20, Carlos Leôncio de Magalhães (Nhonhô) e o cunhado Otavio Reis compraram a Fazenda Lagoinha.

 

Na década de 80, a área da várzea foi desapropriada pela Sabesp para a construção da Estação de Tratamento de Campos do Jordão (ETE). Em 2014, a Sabesp construiu a ETE com uma técnica espanhola de membranas, a mais moderna do Estado de São Paulo.

 

A área da Lagoinha, de 48 mil m², que havia sido desapropriada, foi cedida à prefeitura de Campos, para se tornar um parque público, enquanto o convênio entre Sabesp e a Prefeitura estiver vigente.

Em maio de 2019, graças à iniciativa da Associação Amigos da Lagoinha (ARLA), começou o processo de implantação do Parque Lagoinha, revitalizando toda a área para que os moradores e turistas de Campos de Jordão possam aproveitar a natureza com uma ótima estrutura para famílias e crianças.

 

Nos próximos dois anos, a ARLA coordenará as atividades e a manutenção do Parque da Lagoinha, até que ele se torne autossustentável. Para isso precisamos da sua ajuda e prevemos uma estrutura que atenda a todas idades e interesses: pista de caminhada, oficinas, quadras de beach tennis, passeios de pônei, mesas para piquenique e muito mais!

SERVIÇOS PARCEIROS DO PARQUE

PEACE.png
Bacaninha.png

Atividades!

Icone Quadra.png
Icone Piquenique.png
Icone Pula Pula.png
Icone Mudas.png
Icone Peace.png
Icone_Mãostiqueiras.png

Mesa para Piquenique

Plantio de Mudas

Oficinas com Lã

Horário de funcionamento

Qua - Seg: 10:00 - 17:00

Venha nos visitar!

Quadra de

Beach Tennis

Pula Pula

Oficinas de Conscientização